Silêncio: a importância da quietude na modernidade

Você se lembra qual foi a última vez que experimentou um pouco de silêncio?

Hoje na modernidade é difícil encontrar espaço ou mesmo estado de espírito para buscar a quietude. Nossas agendas estão sempre abarrotadas de compromissos e quando temos tempo “livre” enchemos com redes sociais, netflix e outros passatempos digitais. Vivemos numa era marcada por ansiedade e pressa. Quase todos estão buscando ocupar cada fragmento do dia com alguma tarefa, seja ela importante ou não.

Quando você vive no piloto automático é muito fácil deixar o tempo passar sem nenhuma consciência. Esse deslocamento acelerado gera uma grande distorção da percepção. Passamos a viver de forma mais mecânica e menos humana. Perdemos a oportunidade de aproveitar a jóia da existência e tirar sabedoria da trajetória de vida.

Buscar pelo silêncio é buscar a si mesmo, um encontro real com sua essência. É enfrentar seus medos, traumas, dores e ansiedades, mas também processar bem aventuranças, gratidão e boas energias.

No ocidente acelerado temos a tendência de fugir do silêncio a todo custo. O momento de calmaria e silêncio costuma gerar grande desconforto na maioria das pessoas. Quase todo mundo fica perturbado de sentar e ficar 5 ou 10 minutos sem fazer absolutamente nada, sem celular, tv, revista ou livro, sem qualquer possibilidade de distração. O silêncio tende a causar medo pois nesses momentos a mente é confrontada por nossas maiores dores ou questões existenciais.

A prática do silêncio e quietude é fundamental para crescer, cicatrizar dores, amadurecer o espírito e perceber a beleza que é existir. Somente conscientes e atentos à vida que podemos prová-la com real profundidade.

Dicas para treinar a quietude e silêncio:

1) Não fazer tudo apressadamente. Se estiver andando, ande, não corra de forma ansiosa ou robótica, desligado da vida e das possibilidades do presente.

2) Desligue o celular mais vezes. Não fique conectado o tempo todo, usando cada fragmento do seu dia para consumir mais e mais informações.

3) Coma em silêncio (sem tv, celular, livro ou distração) fique presente junto do seu alimento, perceba seu sabor, detalhes e cheiros.

4) Reserve um momento do seu dia para a meditação.

Pratique o silêncio durante a sua semana. Não é preciso exageros. Utilize-o como ferramenta para viver bem e transitar com leveza pelo mundo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *