Face

Sobre o procedimento

O objetivo da Ritidoplastia ou Lifting Facial é dar ao paciente uma aparência mais jovem, suavizando os efeitos da ação do tempo sobre a pele, como sulcos, rugas, flacidez e expressões de cansado, bravo ou mal humorado. Um dos aspectos mais importantes é a naturalidade do resultado, e atualmente sabemos que resultados mais naturais são obtidos quando a flacidez é leve ou moderada. Geralmente um paciente tem sua aparência de 5 a 15 anos mais jovem após a cirurgia, dependendo de cada caso.

Como é a cirurgia?

O lifting facial baseia–se mais na tração dos músculos e menos no reposicionamento da pele. Trata áreas como contorno da mandíbula, pescoço caído, papada, bigode chinês, entre outras.

A remoção ou adição de gordura podem ser necessárias para alcançar melhores resultados, assim como outros tratamentos de pele. Hoje existem muitas técnicas diferentes com bons resultados, confiáveis, seguras e duráveis. Suas incisões vão depender da área do rosto que é alvo e a quantidade de mudança que você quer.

Geralmente a cirurgia é realizada com anestesia local e sedação. O paciente não sente, não lembra e não vê nada. Acorda com um curativo e um dreno que retiramos no dia seguinte. A cirurgia leva em torno de 3 a 5 horas e pode ser associada a outros procedimentos conforme cada caso. É muito importante parar de fumar e cuidar da qualidade da pele, para um ótimo resultado.
Apesar de ser uma região sensível do corpo, não há dor. O mais importante é seguir as orientações para não inchar muito no pós-operatório, afinal, se não inchar, não há dor.

Como devo me preparar para este procedimento?

A La Prát Clinic fornece todas as instruções pré-operatórias, responde a quaisquer perguntas que você possa ter, realiza um histórico clínico detalhado e um exame físico completo para determinar sua aptidão para a cirurgia. Após isso, basta seguir rigorosamente nossas recomendações para garantir os melhores resultados e minimizar a chance de complicações.

A realização da cirurgia e a recuperação

Independentemente do tipo de “facelift” realizado, você terá incisões que envolvem a pele em torno de sua orelha, escondidas nas dobras naturais.
O maior incômodo acontece nos dois primeiros dias com inchaço, porém não há dor. Após o terceiro dia o edema (inchaço) entra em regressão e com 7 a 10 dias já é possível voltar a atividades cotidianas. Em 3 semanas você já está apto a realizar atividades físicas.

Quanto tempo dura o resultado?

Seus genes, a qualidade da pele e manutenção de rotina são fatores importantes para a longevidade do seu facelift, mas a técnica facelift utilizada é fator principal para determinar quanto tempo o resultado vai durar. Técnicas de lifting com recuperações rápidas duram menor tempo e vice-versa. O ideal é fazer uma cirurgia que não fique artificial, e portanto dure um pouco menos, e em torno de 7 anos realizar um novo ajuste, pequeno e que os outros não percebam. Desta forma, a naturalidade do rosto se mantém e a jovialidade é conquistada, pois o tempo passa e as estruturas se mantêm no lugar.

Limitações e Riscos

Felizmente, as complicações significativas da cirurgia plástica não são frequentes. Esta cirurgia continua sendo o padrão ouro para o rejuvenescimento facial e é geralmente realizada sem maiores problemas.

Complicações possíveis em qualquer cirurgia:

• Hematoma ou seroma (acúmulo de sangue ou fluidos sob a pele que pode exigir a remoção)
• Infecção
• Mudanças na sensação
• Cicatriz
• Danos às estruturas subjacentes
• Resultados insatisfatórios que podem necessitar de procedimentos adicionais.

Para minimizar os riscos, siga os conselhos e instruções fornecidos a você, antes e depois de sua cirurgia.

'